quinta-feira, 7 de junho de 2012

Essência



"...Chorámos depois a dor de cada um, nenhum de nós é uma pessoa simples e viver é violento."

Daniel Sampaio, Vagabundos de Nós




Pollock
                                                                                         

22 comentários:

  1. Vi pinturas de Pollock há tempos na Galeria de Arte do Ontário. Não o entendo. Necessitei de ouvir a explicação para cada quadro : )

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Catarina
      eu não sei se o entendo, mas faço a minha leitura. Também gostava de ter oportunidade de ver algumas pinturas ao vivo e de ouvir as explicações. Deve ser bem interessante.
      Um abraço

      Eliminar
  2. Respostas
    1. Muito obrigada João.
      Um beijo também para si.

      Eliminar
  3. Daniel Sampaio, autor que escreve sobre a família, a escola, as relações interpessoais, a educação. Autor atento ao crescimento e desenvolvimento dos jovens.
    Boa escolha e quadro a condizer e bem apropriado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gostei dos livros que li dele. Fala do que está perto de nós. Gosto desta frase muito verdadeira.
      Obrigada Cláudia.
      Um beijinho

      Eliminar
  4. Gosto muito de Pollok, num museu comprei um livro sobre ele.
    Quanto ao poema é lindo e infelizmente verdadeiro.
    Obrigada pela beleza!
    beijinhos. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu tenho um livro daqueles da Taschen. Foi de lá que tirei a pintura. Gosto da pintura dele.
      A frase também a acho muito verdadeira, mais verdadeira para alguns que para outros.
      Um beijinho, Ana

      Eliminar
  5. Respostas
    1. Fico contente que tenha gostado, Maria João.
      Um beijinho grande

      Eliminar
  6. Um belo quadro, Isabel. Obrigado!E o fim de semana bate à porta! Beijos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu é que agradeço por gostar da escolha.
      É verdade. Quase fim-de-semana. Sabe bem, que o cansaço do final de ano já se instalou.
      Um beijinho

      Eliminar
  7. Este quadro é dos poucos de Pollock que me "chega", não é o meu estilo de pintura. A frase é muito interessante, não posso opinar sobre Daniel Sampaio porque não li nada dele nem tenho referências.
    Gostei, beijinhos grandes

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também tenho alguns pintores de que gosto mais, mas acabo por gostar de tanta coisa. Tudo acho, pelo menos, interessante. Aquilo que conheço de Pollock, gosto.
      O Daniel Sampaio é médico psiquiatra e tal como diz a Cláudia, ele escreve sobre a família, os adolescentes, as relações entre as pessoas...
      Gosto dos livros dele.
      Beijinhos grandes para ti também e bom finde

      Eliminar
  8. Respostas
    1. Obrigada MR, por gostar da escolha.
      Um bom fim-de-semana

      Eliminar
  9. Olá querida Isabel, como já deves saber a Maria João perdeu o blog(!), essa jóia de cultura e sensibilidade que também era um pouco nosso. Esperemos que o encontre depressa, não sei o que lhe terá podido passar!!
    Bom finde, e que a gente não perca também este cantinho que no fundo é um bocadinho de nós, não é?...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então não sei! Eu vou lá espreitar logo, assim que vejo aqui de lado que há um post novo.
      Como vamos passar sem os post da nossa querida amiga? E é uma forma de "conversarmos".
      Espero que o problema se resolva depressa. Estas coisas são muito irritantes.

      Obrigada pelas tuas palavras, amiga.
      Um beijinho e bom finde para ti também.

      Eliminar
  10. Não conhecia as obras, gosto disso, aprendo sempre com você em arte e em vida. Tenho saudades, mas as coisas andam apertadas. Por isso é bom vir aqui, ouvir, ler, lembrar dos marcadores e estranhar essa saudade que dá, parece que fiquei 1 mês sem passar por aqui.

    bjs querida e bons dias
    não nos esquecemos de tí,
    saudade.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada.
      Eu gosto muito de as ver aqui e por acaso estranho quando ficam muitos dias sem aparecer, mas sei que têm andado a resolver problemas e que tem sido uma fase de muito trabalho e até de cansaço emocional (pelo que li no blogue).
      Eu sei que não se esquecem, como eu não as esqueço. Mas as visitas e os comentários têm que ser naturais e não forçadas. Às vezes apetece ir ver os blogues, mas não apetece escrever nada. A mim acontece-me quando ando aborrecida com algum problema.
      Um beijinho grande para cada uma e espero que as coisas fiquem um pouco mais leves, aí.

      Eliminar
  11. Daniel Sampaio deve ser lido sempre com todo a atenção. Pelo profundo conhecimento da alma humana e pela forma simples e eficaz que tem de o divulgar. Tenho alguns dos seus livros, aos quais gosto de voltar, de quando em vez.

    Um beijo

    ResponderEliminar
  12. Concordo completamente consigo Lídia.
    É um autor de que gosto, precisamente pelos temas que trata.
    Já li alguns livros dele.
    Um abraço

    ResponderEliminar